PREFÁCIO DO APC

Publicado em 09 novembro 2014
 
Em 2009, a Akai Professional, após ter colaborado com os criadores e designers do Ableton Live, um poderoso software de performance e de produção musical, introduz o   APC 40 - Ableton Performance Controller, um potente e inovador controlador midi desktop que revolucionou o design, manipulação, performance e produção deste tipo de equipamentos e com integração em software musical, neste caso o Ableton Live.
 
Desde então, a Akai Professional tem vindo a desenvolver este formato standard e a destacar-se na tecnologia e design de hardware (controladores midi) com integração em software, mostrando ser indispensável quer para simples amadores (musicos/DJ’s), de estúdio, ou mesmo reconhecidos artistas profissionais.
 
Desta vez, passados cinco anos esta mesma empresa volta a surpreender com o ressurgimento de novos modelos APC, de porte mais reduzido, (só na dimensão), e design redefinido, elevando mais ainda este tipo de tecnologia e o legado AKAI APC no design, manipulação e performance em hardware e sofware midi.
 

Formatos APC

O APC existe em 2 formatos distintos, Keyboard (Key 25) e Desktop (Mini ou APC 40 v2).
 

O APC Mini (Desktop)

O pequeno APC mini (apenas no tamanho) segue as pisadas do seu “pai” APC 40-mk2. Nada frágil, bastante portátil, com um design inovador, versátil, estruturado para aceder às funções essenciais do Ableton Live. Equipado com uma porta Usb, plug-and play, pads, botões e faders que espelham bem o layout do software ou que poderão ser mapeados ao gosto e estilo de produção de cada um. Composto por uma matriz de 64 (8 por 8) pads iluminados sensíveis ao toque, 16 botões iluminados (quase todos com dupla funcionalidade) um botão Shift e 9 faders, permite aceder com simplicidade aos diversos parâmetros do Ableton Live. 
Basta pressionar um dos pads da matriz de pads de (8 pistas por 8 cenas). Neste equipamento, cada coluna (vista como pista no Ableton) é composta por 8 slots de clips dispostos na vertical e cada linha (vista como scene no Ableton) por 8 pistas na horizontal. Ao ser pressionado cada pad ilumina segundo um codigo RGB de 3 cores distintas, vermelho, indicando a gravação do clip no slot vazio, verde indicando play do clip no slot ocupado, e âmbar (laranja) para indicar o loading do clip no Ableton Live. Quando não iluminado, este não contém nenhum clip na pista (slot vazio). 
 
Os 9 faders que se encontram abaixo da matriz de 8 por 8 clips, são normalmente utilizados para funções de mistura, alterando o volume de cada pista, incluindo o master volume (último fader da direita) do Ableton Live. Quando associado com o botão Shift, permite activar 4 funcionalidades (Volume/pan/send/macro device) que se encontram descritas abaixo.
 

APC Key 25 (Keyboard)

O APC Key incorpora as mesmas funções que o seu homónimo Mini, com a adição de um teclado de 25 teclas com sensibilidade de resposta. Vem ainda equipado com 8 pots (possivelmente “retirados” do lpd 8) que magnificam o poder criativo deste, (ex: na manipulação de parâmetros de plug-ins(instr./fx), etc.)
 
Este distingue-se do Mini apenas na matriz de pads 5x8 (menos 3 linhas de pads que o APC mini), nas funções de transporte (Rec/Play), transposição de 8 notas (Oct +/-), e de sustain da(s) nota(s). Estes botões estão situados à direita do layout do Key 25. Para as restantes funcionalidades o APC Key é semelhante ao Mini.
 

APC 40 v2 (Desktop)

O APC 40 foi também redesenhado, sendo de porte mais reduzido que o anterior modelo APC 40, layout mais detalhado, robusto, plug-and-play, porta com alimentação por usb, entrada para footswitch, com superior leitura, visibilidade e resposta nos controlos(pots rotativos de 360 graus)/pads retro-iluminados), com novas funcionalidades de DJ, performance e produção, reforçando e mesmo superando as anteriores do seu “irmão mais velho”. Desde o transporte, navegação no projecto, vista detalhada, (vista de clip ou dispositivo(Plug-in(instr./fx)), gravação, mistura, chegando mesmo a poder navegar dentro das racks de dispositivos (device) no Ableton Live.
 
 
Equipado com uma matriz de 5 por 8 pads, e 5 botões, de lançamento de clips/scene, com codigo de cores, ambos RGB, podendo ser alterado (apenas no APC 40 v2), conforme o gosto/estilo, ou simplesmente utilizar o código de 3 cores já pré-definido. Os 16 potenciómetros rotativos (pots) iluminados a amarelo e vermelho estão melhorados. Destes 16, o conjunto de 8 pots que está situado na parte superior do APC 40, acima da matriz de pads pode mudar de função, tendo à escolha (pan), volume de efeito individual em cada pista, (send fx), ou mesmo ser mapeado ao gosto do utilizador. A secção de device control está situada à direita do APC (e contém os outros 8 pots rotativos), possibilitando a modificação de parâmetros do(s) dispositivos (plug-in(s)) que estão assignados na pista seleccionada, chegando mesmo ao ponto de poder "bloquear" o APC para um determinado plug-in para apenas modificar os parâmetros deste, mesmo que outro esteja seleccionado em áreas diferentes do Ableton Live.
 
Para o DJ set e performance, o APC 40 v2 vem ainda equipado com uma secção de crossfade, com resposta rápida e suave, podendo faze-lo entre a pista definida (A/B) ou mesmo desligar este.
 
Botões dedicados para medição dos tempos/click (metronome)/ tap tempo, correção do tempo (nudge +/-), bem como um pot rotativo para modificação dos bpms do projecto fazem parte do layout do APC 40, bem como um botão Shift dedicado para escolher funções secundárias no mesmo layout. (ex: em conjunto com o botão track select, selecciona-se o tipo de quantização que se pretende realizar no clip seleccionado, do projecto (desde None (sem quant.),/ 8/4/2/1/ até 1/16).
 
Consulta mais detalhes deste equipamento na Loja Danceplanet.
 
 
 
 
 
 

Últimas Noticias

Mais Lidas

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais.